Total de visualizações de página

Pesquisar este blog

quarta-feira, 2 de novembro de 2011

Exemplo para seguir nossos vereadores


UFPA VAI CONSTRUIR POLO UNIVERSITÁRIO EM SÃO MIGUEL

Professor e Reitor da UFPA Carlos Maneschy
O Reitor da Universidade Federal do Pará CARLOS MANESCHY esteve hoje (31) no prédio da Câmara Municipal de São Miguel em reunião com os vereadores, sociedade e a Prefeita de São Miguel (Márcia) para tratar assunto referente à implantação de um pólo da UFPA neste |Município, no momento de sua fala o Reitor anunciou para a felicidades de todos os guamaenses que São Miguel terá a Universidade federal aqui no Município.
 A alegria tomou conta de todos os presentes na reunião, por se tratar de uma grande conquista para a sociedade guamaense. Segundo o Vereador Junior Lira, autor do requerimento disse: "Um grande sonho dos estudantes de São Miguel se torna realidade hoje com a palavra do Reitor da UFPA, será mais uma oportunidade para os jovens de São Miguel estudar em uma universidade Federal sem ter que sair do nosso Município". Falou o Vereador Lira.
fonte: Blog Do Ariel Castro.

COMENTÁRIOS:

A muito tempo questiono as pessoas sobre essa proposta de trazer um polo universitário aqui para Santa Izabel do Pará, em especial da UFPA ou da UEPA. Antigamente, recordo que existia aulas modulares lá no Antônio Lemos para o curso de formações de professores de 1 à 4ª série, no entanto, já pelo final do curso, o módulo voltou para Belém , não sei o motivo, mas foi por água abaixo o sonho de um polo em Santa Izabel.
Mas como tantos outros municípios menores que o nosso conseguem manter um campus de uma universidade público acredito que nossa cidade também tenha essa capacidade, se for questionar a demanda isso é o que não falta, basta darem uma olhada lá no colégio Antônio Lemos para vocês verem como estão cheias as turmas da IESPA, que é instituição privada.
Agora, faço um questionamento aos nossos vereadores que tanto vão "lutar" pelo povo, qual de vocês terá essa iniciativa como fizeram em São miguel do Guamá e em outros municípios menores? O que que falta para termos uma valorização da educação no município? 
Se for falta de espaço (terreno) para a implantação do campus existem muitas terras sem utilidades para o município só servindo de especulação imobiliária, o Estatuto das cidades, juntamente com o plano diretor dos municípios( se tiver aqui), a constituição brasileira, autorizam a desapropriação   por interesse público , em nome da coletividade, então será possível meus representantes?

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentários